segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

DICIONÁRIO DA ESQUERDA MARXISTA



"IMPERIALISTA" - Investidor estrangeiro que gera empregos no país no qual ele aplica seu capital.

"HUMANISTA" - É aquele que defende "seres humanos" que querem destruir outros "seres humanos" mas que segundo o humanista não podem ser punidos pois são "seres humanos".

LIBERDADE DE IMPRENSA - Somente publicar o que o Governo (comunista, no caso) quer que seja publicado.

PRECONCEITO - Discordar da esquerda

ELITE BURGUESA - Classe média que se mata de trabalhar, paga impostos, só se ferra e tem que ficar feliz porque é privilegiada.

"OLIGARQUIA" - Qualquer governo que não reze pela cartilha esquerdista.

"PÚBLICO" - Estatal.

"REPRESSÃO" - Qualquer ato da Polícia Militar no sentido de restabelecer o direito de ir e vir e a ordem pública.
Exemplos: Desobstruir uma estrada bloqueada pelo MST ou uma Avenida movimentada onde militantes do PSTU estão fazendo arruaça, como quebrar vidraças de lojas e outras propriedades.

"PLAYBOY ou MAURICINHO" - Qualquer jovem que quer trabalhar e subir na vida ao invés de perder tempo com ativismo antiglobalização, greves, sexo livre, baderna, assaltos.

"CORRUPÇÃO" - É quando um político NÃO DE ESQUERDA rouba.

"DESVIO ÉTICO" - É quando um político DE ESQUERDA rouba.

“MANIPULAÇÃO” - É quando aparece algo no jornal, na TV ou na Internet que o esquerdista não gosta. Também serve para acusar alguém que não concorda com idéias esquerdistas “progressistas” que, supostamente, são vítimas de “manipulação” dos “poderosos”.

"BURGUESIA" - Empresários. Todo aquele que por mérito próprio conseguiu iniciar uma empresa.

"PROLETÁRIO" - Termo de uso geral, indefinido, que é usado para todo aquele que não tem uma empresa própria ou trabalhe por conta própria.

“MÁRTIR” - Qualquer revolucionário, terrorista ou bandido que está sentado no colo do capeta.

"JOVEM, O AGENTE DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL" - Estudante de universidade pública federal, membro do DCE, militante do PT, PSOL ou PSTU e que usa camisa do Che Guevara, boina com um bottom de estrela vermelha (ou foice e martelo), vagabundo, sujo, vândalo e quase sempre maconheiro.

"TRABALHADOR" - Baderneiro, grevista, sindicalista, burocrata do estado, membro de partidos de esquerda.

"OPRIMIDO" - versão piorada de "TRABALHADOR".

"DEMOCRACIA BURGUESA" - A democracia.

"REVOLUÇÃO" - Quando um esquerdista chega ao poder.

"GOLPE" - Quando um esquerdista SAI do poder.

"ESTADUNIDENSE" - Norte-americano (tudo que se refere ao país EUA, Estados Unidos da América)

"EE.UU." - EUA (Estados Unidos da América), o marxista só diz "estados unidos"

"DÍVIDA HISTÓRICA" - Termo utilizado por grupelhos organizados e revanchistas que acham que foram perseguidos, oprimidos, escravizados e outros coitadismos em alguma época passada. Tudo para conseguir mamatas governamentais e de preferência paga pela "elite opressora".

"INTOLERÂNCIA" - É quando algum indivíduo tenta criticar atitudes, comportamentos, culturas e hábitos que não pertençam a civilização ocidental que a esquerda deseja destruir.

"HOMEM DE LUTA" - Facínora que rouba, tortura, mata e provoca desordem social. Tudo pela causa.

"EDUCAÇÃO CIDADÂ" - Doutrinação sofrida por crianças para que estas se transformem em novos homens socialistas.

"LIBERDADE" - Libertinagem, arruaça, irresponsabilidade, preguiça, putaria.

“OLAVETE” - Recurso usado por marxistas e esquerdistas com a intenção safada de reduzir um argumento original - que os deixa sem resposta - a uma suposta cópia de Olavo de Carvalho.

"PÁTRIA LIVRE" - País cuja população é governada por ditaduras totalitárias sempre de cunho socialista.

"IMPRENSA GOLPISTA OU MANIPULADORA" - Imprensa livre.

"IMPRENSA DEMOCRÁTICA" - Imprensa controlada pelo governo socialista.

“MANIPULADO” - Alguém que prefere acreditar na “IMPRENSA GOLPISTA” do que acreditar na “IMPRENSA DEMOCRÀTICA”

"MOVIMENTOS SOCIAIS" - Grupos organizados que pregam desde privilégios ou até mesmo, terrorismo.

"REACIONÁRIO, FASCISTA ou NEOLIBERAL" - Alguém que defende valores morais e democráticos, tais como liberdade individual e propriedade privada, por exemplo.

"LUTA DE CLASSES" - Termo amplo que pode significar desde a usurpação de bens privados até o genocídio.

"DEMOCRACIA SOCIALISTA" - Ditadura no molde castrista ou stalinista.

"JUSTIÇA SOCIAL" - Injustiça socialista. Ex: desapropriação

"TERRORISMO DE ESTADO DE ISRAEL" - A guerra convencional e legítima de Israel contra grupos como o Hezbollah ou Hamas.

"ELITE INTELECTUAL FORMADORA DE OPINIÃO" - Pessoas com exposição na mídia que só falam bobagens marxistas.

"VÍTIMA DA SOCIEDADE INJUSTA" - Bandidos de toda espécie

“VEGETARIANISMO ou VEGANISMO” - Conceito que confunde cadeia alimentar com luta de classes. Já não basta a “igualdade” entre seres humanos. Agora, a “igualdade” deve se estender a todo o reino animal. Para os vegetarianos, comer carne é considerado um ato de “opressão” e vegetarianismo significa a “libertação” dos “oprimidos” seres herbívoros.

INCLUSÃO SOCIAL - assistencialismo puro e simples; uma forma de retornar aos bons tempos do Coronelismo, transformando-nos em "teúdos e manteúdos" do Estado. Não pensaram em usar o termo "melhoramento da infra-estrutura dos serviços públicos".

EXCLUSÃO SOCIAL - conceito que justifica o processo de Inclusão Social - e que é importante que continue justificando.

"PASTORAL DA TERRA" - Padres vermelhos de passeata que têm a cara de pau de dizer que são cristãos.

"SOCIALISMO" - Sistema econômico onde todas as propriedades e meios de produção estão exclusivamente nas mãos do ESTADO onde o ESTADO detém toda a riqueza produzida no azarado país em que este famigerado sistema está implantado.

"CONQUISTAS SOCIAIS" - Mamatas de empregados (sobretudo funcionários públicos), que fazem assalariados ganharem cada vez mais e trabalharem cada vez menos resultando assim em MAIS impostos, MAIS custos para produtos e serviços e MAIS oferta de empregos na China.

"SOLIEDARIEDADE" - ver em "JUSTIÇA SOCIAL".

"SOBERANIA" - Liberdade e independência para o estado perseguir, expropriar, dominar, torturar e matar aqueles que o opuserem.

"ENTREGUISTA" - Aquele que torna as empresas mais eficientes e produtivas passando-as do estado para a iniciativa privada.

"POVO" - Membros dos partidos de esquerda.

EXCLUSÃO DIGITAL - conceito pelo qual se entende que todos nós precisamos obrigatoriamente do computador como necessidade básica, e que justifica o processo de "Inclusão Digital".

"PÚBLICO E DE QUALIDADE" - Estatal e caro para o contribuinte.

"SETORES ESTRATÉGICOS" - Atividades econômicas sem concorrência em virtude de monopólios obtidos na marra por empresas "públicas".

"GASTOS SOCIAIS" - Salários e aposentadorias de Burocratas do estado e membros dos partidos de esquerda, em especial o partido comunista.

"INVESTIMENTOS SOCIAIS" - Aumento de salários e aposentadorias de Burocratas do estado e membros dos partidos de esquerda socialista.

"INTEGRAÇÃO E UNIÃO DOS POVOS" - Vários povos "unidos" sob a ditadura de um mesmo governo.

"TRANSGÊNICOS" ou "ALIMENTOS COM VENENO"= Produtos agrícolas desenvolvidos e aprimorados em laboratório para que sejam mais nutritivos e resistentes a pragas. Também aumentam a produtividade de lavouras e são consumidos em países desenvolvidos.

"ORGÂNICOS" ou ALIMENTOS SAUDÁVEIS" - Produtos Agrícolas que eram totalmente difundidos na idade média. Atualmente são muito consumidos na Coréia do Norte.

"ECOLOGIA" - Conceito que presume a lógica de que a humanidade destrói a natureza. Logo, defende a destruição da humanidade para que se poupe a natureza.

"DIREITOS HUMANOS" - Simpatia por bandidos.

"COTAS" - Forma simulada de racismo para chamar negros de incompetentes.

"COMPANHEIRO" - quase sempre tão vagabundo quanto seus amigos de militância, ex-maconheiro na faculdade (se é que fez alguma), quase jubilado, "Lombardi" (nunca aparece), lustrador de carteira. Se for operário, quase sempre é incompetente (perder dedo em torno, etc). Quando vai trabalhar(?), reclama de tudo... quando é demitido, continua reclamando e ainda usa o pontapé do patrão como desculpa para a vadiagem.

"CAMARADA DE ARMAS" - ex-terrorista, ex-assaltante de banco, ex-guerrilheiro (grande porcaria), ex-sequestrador, ex e atual traidor de seu país. Governando, distribui polpudas indenizações aos "companheiros" (ver acima) marginais. Ao mesmo tempo, rouba das famílias dos mortos por eles o que lhes é devido (Ver "Mario Kozel" no Google). Sinonímia: covarde, terrorista, gângster, comunista, amigo de ditadores, arautos do genocídio, "progressistas".

"PERSEGUIDO POLÍTICO" - Facínoras terroristas, guerrilheiros e intelectualóides que tinham como objetivo principal a instalação de um sistema político e econômico totalitário comunista e, que para o bem do país, foram "PERSEGUIDOS" pela ditadura militar.

"INDENIZAÇÃO A PERSEGUIDO POLÍTICO" - Termo também chamado de "ANISTIA" consiste em uma grande mamata financeira de grandes valores e paga pelo contribuinte. Esta foi concedida aos "PERSEGUIDOS POLÍTICOS" quando muitos dos companheiros destes "PERSEGUIDOS POLÍTICOS" chegaram ao poder. Tem como objetivo a realização do grande sonho dos "PERSEGUIDOS POLÍTICOS"; ganhar dinheiro sem trabalhar.

"SUPERÁVIT SOCIAL" - Pretexto que o Estado usa para coletar mais impostos e gastar adoidado aumentando a dívida púbica. Como mais impostos e endividamento significa mais desemprego, o "superávit social" sempre vira "défcit social".

"ECONOMIA SOLIDÁRIA" - É quando o governo gasta dinheiro para promover feirinhas chinelonas de produtos de quinta categoria só para dizer que apóia a livre iniciativa.

"REAÇÃO DESPROPORCIONAL" - É quando os exércitos que a esquerda torce contra possuem mais armas modernas e melhor organização que os grupos terroristas, guerrilheiros e narcotraficantes que a esquerda torce a favor. Assim, resta aos grupos que a esquerda torce a favor, usar civis como escudos humanos para pelo menos ganhar a guerra ideológica.
A esquerda adoraria que os exércitos que ela torce contra atacasse os grupos que ela torce a favor somente com estilingues e arco e flecha. Mas aí, para a esquerda, a reação desses grupos não seria "DESPROPORCIONAL e sim "LEGÍTIMA CONTRA A INVASÃO ESTRANGEIRA OPRESSSORA IMPERIALISTA".

"ERROS COMETIDOS" - É quando um governo de qualquer ideologia faz alguma coisa para melhorar a economia do país tais como: privatizações, leis de responsabilidade fiscal, reformas administrativas, diminuição de impostos ou qualquer coisa de desagrade a esquerda militante. Também serve para designar desastres humanitários cometidos por governos socialistas no século XX. Tudo para dizer que aquilo não era obra do socialismo e sim simplesmente "ERROS COMETIDOS" por governos que se "desviaram" do socialismo.

"FUI TRAÍDO" - O termo é muito utilizado por militantes e eleitores do PIÇOL. É quando a transição do país para o socialismo não obedece a velocidade desejada pelos militantes da ultra esquerda. Eles não entendem a máxima do camarada Lênin: É preciso dar uma corridinha para trás para dar um grande salto para frente (que na verdade é um salto para o precipício).

"SIONISTA" - Qualquer indivíduo que seja contra a destruição total do estado de Israel e dos Estados Unidos também.

"CAPITAL ESPECULATIVO" - Um ser mitológico. É o diabo, o satanás, o coisa ruim. A esquerda acredita que este causa fome, miséria e destruição em massa por onde passa como grandes nuvens de gafanhotos. Tudo para não dizer que a causa da fome, miséria e destruição em massa na verdade são as idéias que a esquerda prega.

"SOCIEDADE CONSUMISTA" - Uma sociedade em que para se "consumir", é preciso "trabalhar" e "produzir". Mas "trabalhar" e "produzir" é tudo o que o esquerdista não gosta de fazer.

ALIENADO - Quem não assiste a palestras sobre Marx, não gosta do Che Guevara, não participa de greves na Universidade e não vota na esquerda.

"GUINADA PARA A DIREITA" - Qualquer interrupção ou resistência por parte da população ou de governos à revolução gramsciana vigente na sociedade.

"ÓDIO DE CLASSE" - É toda e qualquer reação á criminalidade por parte das vítimas, mas para os esquerdistas quem é da "elite" e é vítima de violência não pode desejar mal algum contra o agressor caso ele seja um "excluído" pois isto é "ódio de classe”.

"REACIONÁRIO, FASCISTA ou NEOLIBERAL" - todo mundo que não é comunista.

"DIREITO ALTERNATIVO" - É quando advogados e juizes remontam ao seus velhos tempos de maconheiros revoltados de faculdade não aplicando as leis de um país em julgamentos e processos. Tudo porque se acham no direito de relativizar a lei em virtude da luta de classes e do totalitarismo socialista. O objetivo do direito alternativo é colocar á vítima na cadeia em lugar do agressor porque a vítima é "burguesa" e o agressor é "excluído".

"RESPONSABILIDADE SOCIAL" - Total transferência de responsabilidades do estado para as empresas, como se estas não pagassem impostos. O objetivo dos defensores da "responsabilidade social" é o que as empresas deixem de lucrar para se dedicar ao "social" já que as únicas funções do estado hoje em dia são a de sustentar marajás, pagar juros da dívida pública e, é óbvio, lucrar.

"MANIQUEÍSTA" - Todo indivíduo que acha que bandido é bandido, assassino é assassino, terrorista é terrorista, ditador é ditador, bom é bom e mau é mau. Já que para a esquerda bandido é "explorado", assassino é "excluído", terrorista é "oprimido", ditador é "libertador", bom é "mau" e mau é "bom".

"AFRO BRASILEIRO" - Qualquer indivíduo que tenha pele escura, mesmo que tenha nascido no Brasil e nada tenha a ver com o continente africano.

"CRISE DO CAPITALISMO" - Onda de desemprego e estagnação econômica em alguns países de Europa Ocidental e da América Latina causada por excesso de impostos, regulações trabalhistas, benefícios sociais, burocracia e dirigismo estatal. A esquerda chama de crise do capitalismo porque NÃO É DO CAPITALISMO. Seria do capitalismo se a onda de desemprego fosse na China e nos tigres asiáticos, mas esses países vão muito bem obrigado.

"DIVERSIDADE" - Culto á hábitos primitivos para deleite de antropólogos que adoram observar culturas "diferentes" enquanto não abdicam do conforto e liberdade que só a cultura ocidental proporciona á eles. A diversidade só vale para culturas. Diversidade de opiniões? Nem pensar!

"PENSAMENTO ÚNICO NEOLIBERAL" - É quando os esquerdistas se deparam com opiniões sobre política e economia difetentes das suas. Como são facilmente refutados em debates e discussões, se acham injustiçados e acabam achando que o pensamento "neoliberal" é "único" mas que na verdade é o "único" que presta.

"CRESCIMENTO ECONÔMICO" - É quando o País cresce mais de 3% ao ano para a alegria dos petistas no poder, já que o PT dificilmente consegue fazer o País crescer mais do que isso. Se fosse no tempo do FHC os mesmos 3% seriam chamados pelos petistas de "RECESSÃO CAUSADA PELO NEOLIBERALISMO".

"DIMINUIÇÃO DAS DESIGUALDADES SOCIAIS" - Empobrecimento generalizado da classe média.

"OUTRO MUNDO POSSÍVEL" - Termo criado pelos porra loucas do Fórum Social Mundial. Pode ser uma imensa União Soviética que dominaria todos os continentes espalhando fome e miséria como no século passado. Também pode ser um mundo oprimido pela "Sharia" islâmica onde qualquer habitante da terra seria executado de não obedecesse á ela, ou um mundo pré histórico onde todos viveriam em tribos nômades pelo "bem da natureza". Enfim, pode ser vários tipos de mundo, todos MUITO PIORES que o mundo atual.

"PAZ" - Desarmamento total do Ocidente para a alegria de Comunistas e Terroristas.

"SOCIEDADE CIVIL ORGANIZADA" - Agrupamento de pessoas com um objetivo em comum que é sempre o de conseguir mamatas estatais.

"TERCEIRO MUNDISMO" - países pobres com governos populistas, totalitários e corruptos; isto quando não estão em guerra civil. Mas que mesmo assim devem ser considerados países lindos e maravilhosos até porque a esquerda acha que essa desgraça toda é culpa do "Imperialismo Estadunidense".

"DESMONTE DO SERVIÇO PÚBLICO" - Qualquer reforma administrativa que torne a máquina pública mais eficiente e menos onerosa para o contribuinte.

"CONTROLE PÚBLICO ou POPULAR" - Controle sindical, corporativista e partidário de empresas estatais e órgãos públicos.

"PATRIMÔNIO DO POVO" - Patrimônio do estado e do partido no poder.

"PRIVATIZAÇÃO" - Venda de empresas estatais caras e ineficientes para a iniciativa privada para desespero daqueles que adorariam vê-las nas mãos do governo. Tudo para dar empregos e mamatas para a companheirada e roubar dinheiro público.

"GOLPISTA" - Qualquer um que queira tirar um esquerdista do poder por via eleitoral democrática ou por via legal.

“GUINADA PARA A DIREITA” - Qualquer interrupção ou resistência por parte da população ou de governos à revolução gramsciana vigente na sociedade. O termo se aplica também quando um governo de esquerda rouba, aí se diz que este governo guinou para a direita porquê o esquerdista sempre se acha honesto.

"DITADURA" - Qualquer governo que impeça revolucionários esquerdistas de tomarem o poder, mesmo sendo governos democráticos.

"INTERESSE COMUM" - Interesse de governos, mas que os próprios tomam como sendo da população.

"MENTIROSO" - Um não esquerdista bem informado.

"POPULAR" - Relativo a: Sindicato, partido, corporação ou governo de esquerda.

"PROJETO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO" - Projeto nacional de aumento de impostos, da dívida pública e da inflação.

"STATUS QUO" - Toda e qualquer situação que não está de acordo com aquilo que o esquerdista quer.

"TECIDO SOCIAL" - Conjunto de indivíduos que os esquerdistas gostam tais como: Pobres fidelizados com "PROGRAMAS SOCIAIS", funcionários públicos grevistas, bandidos e outros tipos de "OPRIMIDOS".

“AGRESSÃO AO POVO” - Qualquer crítica contra algum ditador de plantão. Ex: Criticar Hugo Chávez é uma “agressão ao povo” venezuelano.

“AQUECIMENTO GLOBAL” - A nova bandeira de muitas viúvas do muro de Berlim e de arautos de burocracias estatais e globais.
Meio de vida para vagabundos e fracassados em suas profissões de origem, como o "cineasta" MM.
Tudo para justificar um controle estatal cada vez maior da economia e da vida das pessoas e para acabar com a economia de mercado. Costuma sempre aparecer quando a economia mundial vai bem.
Obs. mesmo sabendo q no planeta existem Eras Glaciais.

“ASSÉDIO MORAL” - É quando qualquer trabalhador é cobrado por desempenho, mesmo quando este é incompetente ou desonesto, para a contrariedade do esquerdista, que acha que todos os empregos devem ser como os empregos públicos.

“CENTRALISMO DEMOCRÁTICO” - Simplesmente centralismo. De democrático não tem nada

“CORONELISMO” - Governos populistas que não tem uma roupagem de esquerda, embora tenham idéias e práticas muito semelhantes com esta ideologia.

“ELITISTA” - Qualquer coisa que exista para beneficiar a classe média ou quem se esforça para entrar nela. Como se a classe média não tivesse direito algum, sequer o de existir.

“GRANDE CAPITAL” - Empresas que cresceram e se tornaram multinacionais sem ajuda estatal.

“GRANDES POTÊNCIAS” - Países cuja liberdade econômica e bons níveis de educação propiciou desenvolvimento e enriquecimento de seus habitantes. Mas o esquerdista sempre acha que desenvolvimento e riqueza são coisas “roubadas” de outros países.

“GRANDES CORPORAÇÕES” - Empresas cuja eficiência de seus produtos e serviços melhorou a vida das pessoas para contrariedade da esquerda que acha que só o estado pode fazer isso.

“LEVANTE POPULAR” - Formações de guerrilhas e grupos terroristas para tentativa de tomar o poder à força e “mudar a sociedade” do jeito que eles querem.

“MEDICINA ALTERNATIVA” - Negação total da eficiência da medicina ocidental. Gosto por práticas discutíveis de medicina como fitoterapia, cromaterapia, aromaterapia, macumbaterapia entre outras.

“MULTICULTURALISMO” - Negação total à cultura ocidental, adoração a culturas primitivas e, muitas vezes, atrasadas, intolerantes, machistas e que cultuam a morte.

“MULTILATERALISMO” - É quando os países democráticos e capitalistas diminuem sua influência na geopolítica mundial em benefício de governantes que só gostam de democracia quando estão em assembléias da ONU.

“NAZISMO” - Um comunismo light.

“NAZISTA” - Qualquer pessoa inteligente que esculacha um esquerdista em um debate.

“NACIONALIZAÇÃO” - Desapropriação forçada de propriedades e ativos privados. Tudo para que se tenha a garantia de que só políticos e burocratas do estado sejam donos da riqueza de um país.

“NEOLIBERAL” - Qualquer um que não é de esquerda.

“NEOLIBERALISMO” - Termo usado por esquerdistas para designar a causa principal de um fracasso de qualquer governo. Primeiro, para dizer que governo de esquerda é sempre perfeito, segundo, para impedir que o verdadeiro liberalismo econômico seja implantado neste país.

“O PETRÓLEO É NOSSO!” - O petróleo é do governo! E a conta é nossa (“burguesia”)!

“PAÍSES PERIFÉRICOS” - Países cuja fraca economia e baixo poderio militar os coloca em posição periférica na geopolítica mundial. Mas o esquerdista sempre acha que todos os países dever ser iguais, principalmente os governados por ditadores hostis ao ocidente

“PRENDER NÂO RESOLVE” - Pretexto que governos esquerdistas usam para arrecadar mais impostos e não investir em segurança pública. Afinal, um bom dinheirinho tem que sobrar para cargos de confiança, programas assistencialistas populistas e propaganda estatal.

“RECURSOS NATURAIS” - Recursos que o homem precisa explorar para sobreviver no planeta. Mas que muitos ambientalistas não querem que sejam tocados. Até porque eles querem mesmo é que a humanidade seja exterminada e só sobrem eles próprios e os bichos no planeta.

“REFORMA UNIVERSITÁRIA” - Reforma com o objetivo de acabar com a liberdade de ensino em universidades particulares e de transformar as universidades federais em antros socialistas muito maiores do que estas já são.

“RESISTÊNCIA HERÓICA” - Baderna e conflitos provocados por grupos guerrilheiros e terroristas que consideram terrorismo e assassinatos em massa, atos de legítima defesa contra “invasores imperialistas”.

“SENSO CRÍTICO” - Criticismo ao sistema capitalista, à história oficial, na visão marxista do mundo com “sensibilidade” para as questões sociais. Normalmente presente em jovens recém doutrinados. Os possuidores da tal “virtude” geralmente se consideram intelectualmente e moralmente superiores ao resto das pessoas, além de considerá-las fúteis e ignorantes.

“SERVIDOR PÚBLICO” - Indivíduo que trabalha no governo e exerce atividades meramente burocráticas e que sempre acha que trabalha muito e ganha pouco, principalmente nas “catxigurias” ligadas à CUT (e aos cartões corporativos).

“SOCIALISMO CIENTÌFICO” - Socialismo utópico. Afinal, a história mostrou que todo o socialismo é utópico.

"GOVERNO GOLPISTA" - Governo provisório que tem apoio do congresso nacional e da suprema corte de justiça para existir temporariamente, com o intuito de manter a democracia e a ordem, geralmente perturbada pelos revolucionários comunistas que pretendem se manter indefinidamente no poder alterando a Constituição do país.

"MARXISMO OCIDENTAL = marxismo cultural

"NEOMARXISMO = marxismo cultural

"ESQUERDA-LIBERAL = esquerda (disfarçada de "liberal")

"DIREITA MODERNA" = PSDB

"PROJETO DEMOCRÁTICO POPULAR" = projeto de poder do PCdoB



***


Nenhum comentário:

Postar um comentário